6.3.13

10 pontos a evitar abordar com os noivos ANTES do casamento

 Olivia Leigh Photographie, via Style Me Pretty

Muitas vezes, os convidados fazem comentários com boas intenções mas que não são interpretados como tal pelos noivos. Outras vezes, os comentários são mesmo totalmente desadequados.
Acima de tudo, convém ter em conta que o casal está a passar por uma fase particularmente sensível e evitar abordar assuntos que possam magoar, tais como:


- "no meu casamento escolhi (…), fiz (…)" ou "se fosse eu, escolheria (…)"
[não há problema em dar sugestões, se os noivos as pedirem, mas isso é bem diferente de os convidados só falarem deles mesmos e das suas escolhas]

- "quanto custou?"
[perguntas deste género são muito indelicadas; os noivos é que devem decidir se dão ou não essas informações]

- "porque é que não convidaste os meus irmãos?"
[acontece frequentemente os amigos ou os familiares questionarem acerca da lista de convidados; convém ter em conta que os noivos normalmente passam imenso tempo a pensar em quem convidam e ponderam tudo muito bem antes de chegarem à decisão final; os motivos podem passar por limitações de espaço ou de orçamento, proximidade, questões familiares ou relações com outros convidados, e os noivos não devem ser pressionados a partilhá-los]

- "tens que usar sapatos brancos, véu, liga, …"
[o "ter que" depende da vontade dos noivos; não há regras fixas e cada casal escolhe o estilo de casamento com que mais se identifica]

- "vais emagrecer até ao casamento"
[tanto o vestido como outros detalhes devem ser adaptados à noiva; não é a noiva que se deve adaptar a eles; uma possível decisão de fazer dieta deve caber a ela mesma, e falar-lhe sobre isso pode conduzir a uma pressão desnecessária]

- "se já vivem juntos, qual é o interesse de casarem?"
[mais uma vez, esta é uma forma deselegante de interferir com a vontade e com as prioridades dos noivos, para além de retirar importância ao casamento]

- "é demasiado cedo para darem início aos preparativos"
[cada casal conhece o seu ritmo e tem a noção da quantidade de detalhes em que precisa de pensar até ao grande dia; para além disso, muitas vezes os convidados não conhecem a realidade actual e o facto de ser preciso fazer as marcações com muita antecedência]

- "vais escolher isso? já não se usa!"
[e que tal pensar que o casamento acontece uma vez na vida e não se baseia em modas passageiras?]

- "esse vestido é para quem casa pelo civil; nem parecerás noiva se o usares"
[a escolha de um vestido mais simples ou mais elaborado (ou de um tipo de festa mais formal ou mais descontraído) não tem necessariamente que ver com o facto de o casamento ser religioso ou não]

- "nem sinto que vou a um casamento por ser pelo civil!"
[os noivos que não são religiosos, que estão a casar pela segunda vez ou que têm outros motivos para casarem pelo civil, têm ou não direito a uma grande festa??]

- "vou ser madrinha/padrinho, certo?!"
[muitos convidados consideram que, por serem padrinhos de baptismo, devem ser também padrinhos de casamento; para além disso, há "amigos" que não têm noção de que uma pergunta deste género pode ser desapropriada; a seu tempo, os noivos farão os devidos convites]

6 comentários:

Mariposa Colorida disse...

Já casei há muito. Mas não me lembro de ter abordado esse tema.

Imperatriz Sissi disse...

Gente abelhuda em alturas sensíveis...é do pior.

PrincesSu disse...

Muito bom post :) :)


Olha linda, já falaste aqui no teu blog sobre prendas de casamento/baptizado?
O que fica bem dar ou não por exemplo...

E ideias originais para o fazerem :)

Este ano tenho dois casamentos de amigos e gostaria de dar as prendas (€) de forma original... ideias?!?

Bjinhos
Su

Hoje Vou Casar Assim disse...

Obrigada pelos vossos comentários :)

Su, já escrevi um artigo sobre presentes de casamento http://www.hojevoucasarassim.com/2010/07/questao-delicada-das-prendas-de.html , mas realmente é uma boa ideia pensar em ideias originais para sugerir num post. Vou tratar disso!

beijinhos

Flutuações da mente disse...

Muito pertinente*

carolina carmo disse...

Eu ainda não estou na fase que casamento será uma prioridade porque somos novos ainda , mas já há pessoas a perguntar "Eu posso ser a madrinha" ou "Eu sou a marinha não te esqueças" isso já é bastante irritante agora nem quero imaginar quando chegar o momento decisivo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...