15.1.12

É mesmo preciso aprender a esquecer as desilusões…

Nunca sei o que dizer ou fazer quando me deparo com faltas de respeito e com faltas de consideração.
Se alguém me fizer um favor ou me ajudar no que quer que seja, eu de certeza que lhe vou atribuir louros e que não vou falar como se o mérito tivesse sido todo meu. O respeito é algo que deve sempre vir em primeiro lugar.
Se, ainda por cima, essa pessoa for responsável por grande parte do sucesso de algo, a situação ainda se torna mais grave.
Parece-me impensável que não haja uma palavra, uma referência, …, nada.

E a verdade é que, muitas vezes, as pessoas que ajudam fazem-no de forma discreta, numa espécie de backstage, e 'ninguém' fica a saber disso. É certo que podem trabalhar sem esperar nenhuma recompensa (embora o tempo nos escuteiros já lá vá), mas também não me parece bem que quem pediu a ajuda não a reconheça e nunca fale dela.

Será essencial haver um marketing pessoal, mesmo que seja contra os nossos princípios?
Neste mundo em que vivemos, penso que sim.

14 comentários:

S. disse...

Infelizmente muitas vezes sim, precisamos constantemente de dizer que fizemos isto ou aquilo...

É triste mas é verdade.

Beijinhos

hoje vou casar assim disse...

Sabes, S., isso não tem mesmo nada a ver comigo, e por isso ainda me faz uma certa confusão. Mas acho que há mesmo momentos em que mais vale pôr os pontos nos is :/

Obrigada pelo comentário.
E obrigada às pessoas que me têm enviado emails. É bom sentir apoio.

beijinhos

Anónimo disse...

"A verdadeira solidariedade começa onde não se espera nada em troca."
(Antoine de Saint-Exupéry)

hoje vou casar assim disse...

Excelente mote, se se tratar de solidariedade.

E não se trata bem de não esperar nada em troca; tem mais a ver com ver mentiras e louros dados indevidamente. Isso, sim, é muito errado. Isso, sim, dói.

Anónimo disse...

Minha querida HVCA
Realmente ha certas palavras como "Obrigada" ou "Isto é mérito teu" ou "A tua presença foi fundamental" que por vezes ficariam bem. Para as pessoas que se entregam de corpo e alma nos projectos em que se envolvem, uma expressao destas no fim é suficiente para que fiquem bem.
Mas mesmo palavras tao simples quanto estas, por vezes sao extremamente dificeis de sair de algumas bocas mais orgulhosas...

Tu nao precisas disto! Sabes o valor que tens e os teus proximos também o sabem e fazem questao de to repetir vezes sem conta!E isso é o que importa!
Beijoca grande
B.

Patricia disse...

B. não poderia ter dito melhor, concordo a 100%.

beijinhos

Caucau disse...

Olá querida. Deixo-te um desafio no meu blog. Espero que aceites. Bjs***http://a-womens-right-to-shoes.blogspot.com/2012/01/blogger-award.html

hoje vou casar assim disse...

Muito obrigada pelas vossas palavras :)

beijinhos grandes

veeny disse...

Só espero que não vejas estas situações com tristeza e arrependimento, mas sim como uma aprendizagem. Acredita que na próxima tens que pensar mais em ti e deixar de acreditar apenas no "bom coração" dos outros. Beijinhos e continua tal como sempre :)

hoje vou casar assim disse...

Muito obrigada pelas tuas palavras :)
É realmente uma boa ideia ver as coisas pelo lado positivo, e pensar que situações assim nos fazem crescer.

beijinhos

Lovely Bride disse...

Minha querida, passei pelo mesmo, no meu caso foi e continua a ser cópias exactas das minhas ideias, mudando completamente o estilo que tinha definido como dela.

Eu acabei por passar por cima.... e pronto!
A pequenez e mediocridade dessas pessoas nem merece a nossa raiva.

Beijinhos doces minha linda.

hoje vou casar assim disse...

Tens razão, Lovely Bride.
Muito obrigada pelas palavras :)

beijinhos grandes

Queen of Hearts disse...

Não tinha visto este teu post. É lamentável... Primeiro, acho que o reconhecimento de quem é ajudado gratifica quem ajuda de uma forma incomensurável. Não é preciso um rosário de agradecimentos, basta um pequeno e sincero "obrigada", não é preciso mais. Falo por mim, e sei que por ti também, quando digo que isso basta para nos fazer sentir bem :) E apenas mostra a boa educação de quem recebe a ajuda, nada mais!

Por outro lado, acho também lamentável que não se reconheça quem nos deu ajuda em termos de lhe dar os competentes créditos e, pior, levar com essa omissão terceiros a assumir que esse trabalho foi nosso.

Acima de tudo, tenho pena que te tenha acontecido, pois conheço a tua generosidade desinteressada, a tua disponibilidade para sempre ajudar... enfim. Não fiques triste, pois o certo é que, mais cedo ou mais tarde, o cosmos se encarrega de acertar as peças. :) E essencialmente fazer o que diz a Veeny: pensar mais em ti, sem contudo mudar quem és!
Beijinho grande

hoje vou casar assim disse...

Muito obrigada, querida :)
Sabe sempre muito bem ler-te.

O problema tem precisamente a ver com dar a entender publicamente algo que é diferente da realidade, por algum motivo que sinceramente ainda não entendi.

Mas, realmente, há que seguir em frente e deixar a responsabilidade com o amigo cosmos ;)

beijinho grande

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...