9.4.10

Pensando nos aperitivos


O momento dos aperitivos é normalmente aquele em que o catering dá as boas-vindas aos noivos e aos convidados, e aquele em que as pessoas ficam a conhecer o local escolhido para a continuação da festa. Na minha opinião, deve ser planeado e preparado com cuidado.


Em primeiro lugar, surge a questão de quando é que se deve começar a servir as pessoas: assim que chegam ao local, mesmo que os noivos não estejam lá, ou só depois dos noivos chegarem e fazerem o primeiro brinde?
Se ficar estipulado que os noivos vão à frente e são os primeiros a chegar, ou se forem atrás mas chegarem imediatamente a seguir aos convidados, acho muito bem que dêem o mote de partida para o início dos aperitivos.
No entanto, há casos em que os noivos se atrasam com fotos, ou com uma visita a um sítio especial, ou por causa de um carro que anda muito devagar, ou por qualquer outro motivo, e não convém deixar as pessoas à espera. Claro que essa espera à partida não será muito muito grande, mas mesmo assim será agradável ir petiscando e tomando umas bebidas.

Convém, então, que haja alguém responsável por informar o catering do momento em que as primeiras pessoas começam a sair do local da cerimónia. Assim fica tudo pronto antes das pessoas chegarem, e evita-se que vejam ainda as mesas a serem postas ou os últimos retoques a serem dados.

Claro que, se a cerimónia for no local onde os aperitivos vão decorrer, estas questões não se colocam e as pessoas podem começar a ser servidas imediatamente.


Quanto ao serviço em si, pode ter imensas variações.
Uma hipótese é colocar mesas com vários pratinhos de comida, e as pessoas vão pegando e, por exemplo, colocando num prato que transportam sempre consigo. Eu confesso que não sou adepta deste tipo de 'serviço', porque os convidados têm tendência a concentrar-se à volta das mesas e interagir menos com os outros, porque não dá muito jeito pegar num prato e num copo ao mesmo tempo, e porque o mais provável é comerem 'demais' (mesmo sem se aperceberem) e depois não terem fome na hora da refeição principal.
Uma outra hipótese é ter algumas mesas de apoio mas haver sempre funcionários a servir as pessoas, que não precisam de interromper a conversa ou o descanso para irem buscar seja o que for. Neste caso é bom assegurar que o número de funcionários é suficiente para o número de convidados, para que o tempo de espera entre cada aperitivo ou cada bebida não seja demasiado.


Relativamente ao tipo de aperitivos, podem passar por comida tradicional/regional, fruta, comida de outros países e especialidades do catering, mas em todos esses casos convém pensar no tamanho das porções, na facilidade em pegar e em comer, e se é tudo comestível ou não. A comodidade das pessoas é extremamente importante.

Como é possível provar vários aperitivos diferentes (não estando as pessoas obrigadas a limitar-se a um prato ou dois), este é um excelente momento para surpreender os convidados com petiscos diferentes e até mais arriscados. No meu casamento, houve pessoas que provaram pela primeira vez comida de determinados países e que ficaram fãs :)

As bebidas podem ir também do mais convencional ao mais inesperado. E, claro, para além dos sumos convém que haja uma mistura entre cocktails alcoólicos e não alcoólicos.


Para além de tudo isto, é agradável ter uns sofás, uns cadeirões, uns pufes, umas almofadas, …, e ter o acompanhamento de boa música, desde o início.

Resta-me apenas falar das fotografias. O momento dos aperitivos permite aos fotógrafos obter uma perspectiva geral do local e conseguir imagens bonitas, até porque na maior parte das vezes o cenário é um jardim. E é possível aproveitar também para tirar fotografias com os convidados, sejam elas informais (enquanto conversam, por exemplo, ou noutros momentos de descontracção) ou formais. Neste último caso (de que muita gente não gosta,  devendo antecipadamente avisar os fotógrafos), a 'sessão' pode ser feita de forma rápida e descontraída.
De facto, na minha opinião os aperitivos (incluindo as fotos) não devem demorar mais do que 1 hora. E chega perfeitamente!

E, enquanto as pessoas se deslocam para o local da refeição principal, procuram as mesas e se sentam, os noivos têm tempo para uns momentos a sós ou na companhia do fotógrafo :) Não é preciso haver grandes tempos de espera!


Qual é a vossa perspectiva relativamente ao momento dos aperitivos?
Já tiveram alguma má experiência?

3 comentários:

almighty yellowphant disse...

só de olhar fiquei com fome :P
mas quando é que vai casar mesmo? :)

(ps: obrigada por seguir :D)

hoje vou casar assim disse...

Olá :)

Eu já casei, mas vou casando todos os dias... hehehe
Como gosto tanto destas coisas e como acho que há tantas opções diferentes (todas elas bonitas), resolvi criar o blog.

Obrigada pela visita!

Anónimo disse...

J'ai appris des choses interessantes grace a vous, et vous m'avez aide a resoudre un probleme, merci.

- Daniel

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...