17.3.10

A importância da comida num casamento


Em Portugal, tradicionalmente, a comida ocupa um papel fulcral nas festas de casamento.
Costuma haver vários pratos, e muitas vezes há também buffet de saladas, de carnes, de enchidos, de queijos, de sobremesas, …
E a verdade é que (infelizmente, a meu ver) aquilo que muitas pessoas retêm do casamento é a parte que tem a ver com a alimentação. Lembram-se se a comida estava boa, se o bacalhau estava salgado, se a quantidade era suficiente, e de muitas outras coisas parecidas. Mas, muito possivelmente, não se lembram de nada da cerimónia nem de como os noivos estavam.



Claro que há também pessoas que vêem o 'banquete' como apenas uma parte da festa. Sentem-se bem se a comida for boa, e até podem comentar passado uns dias, mas lembram-se melhor da felicidade dos noivos e das demonstrações de afecto em geral.

Mas esses tipos diferentes de pessoas podem estar incluídos nos nossos convidados… e ao mesmo tempo. E nem sempre é fácil agradarmos a gregos e a troianos, e ao mesmo tempo sermos fiéis aos nossos princípios.


A escolha do local para a recepção depende de vários critérios:
- aspecto geral (que faz com que seja mais ou menos agradável lá estar);
- se é rústico, moderno, clássico, descontraído, ou algo intermédio;
- tamanho da sala principal;
- existência ou não de jardins;
- beleza e tamanho dos jardins;
- existência de parque de estacionamento;
- distância entre os diferentes locais;
- cozinha (espaço, equipamento, condições de higiene, cumprimento de normas);
- existência de local abrigado para os aperitivos (será o plano B, no caso de estar a chover)
- número de casas-de-banho, condições e proximidade aos outros locais
- flexibilidade demonstrada pelos donos do espaço;
- preço;
- serviços incluídos;
- serviço de catering.

Depois disso, há que ter em conta o tipo de decoração que está disponível e/ou a flexibilidade que há em levar novos elementos decorativos.


Quanto ao serviço de catering, às vezes está associado ao local que escolhemos e outras vezes tem que ser (ou pode ser) contratado independentemente.
Normalmente, os noivos têm uma reunião com os responsáveis do catering, em que se apercebem da forma de actuação e dão a conhecer os seus critérios e as suas prioridades. Podem também analisar as ementas, que normalmente diferem na quantidade de 'refeições' (por exemplo, um casamento que comece às 17h poderá não ter buffet de frios) e no preço dos pratos (baseado no tipo de ingredientes). Depois disso, normalmente é possível marcar uma prova de degustação dos pratos, para se ficar a par da qualidade e também para escolher uma ementa específica.


Há empresas de catering que apresentam valores detalhados quase para cada ingrediente e que, no caso de querermos alterar alguma coisa, fazem logo imensa confusão. Eu confesso que prefiro que sejam mais flexíveis e que ofereçam várias possibilidades de alteração do menu.

Uma vez, tive uma reunião com o responsável por uma empresa de catering e, quando perguntei se era possível servirem caipirinhas durante os aperitivos, ele fez uma descrição enorme da formação que é preciso ter para fazer uma caipirinha, dos ingredientes que é preciso comprar e do salário que é preciso pagar a alguém especializado. Claro que juntamente com isso falou sobre o 'volume de negócio' - expressão muito usada por ele em toda a conversa.

Depois dessa experiência, fiquei contente por encontrar uma empresa com flexibilidade e que permitiu adaptar as ementas ao tipo de festa que pretendíamos.

A questão é que é complicado encontrar um local ou umas ementas e um serviço elegantes aos quais esteja associada esta flexibilidade. Mas às vezes, mesmo que o menu pareça limitado, uma boa conversa com as pessoas da empresa pode resolver o problema.

Para além de tratarem da comida, estas empresas podem muitas vezes tratar da decoração, da música, do protocolo, e podem também apresentar sugestões com base na grande experiência que têm. Por isso, não se inibam de perguntar!

E, se vocês não estiverem a conseguir encontrar o local perfeito para a vossa festa, podem contactar diferentes empresas de catering e pedir sugestões. Às vezes têm acordos com locais bem originais, como caves, mosteiros, palácios, museus, galerias, e até estádios de futebol!



Quando vocês vão a casamentos, que tipo de serviço é que preferem?
E o que é que escolheram ou escolheriam para o vosso próprio casamento?

12 comentários:

Purple disse...

No meu casamento aluguei um espaço amplo na Quinta e optei por uma empresa de catering externa.

A sala em si era enorme e permitia uma acomodação muito confortável dos convidados, a decoração foi escolhida por nós com uma empresa indicada pelo catering e fizemos questão de tratar de detalhes como marcadores, placard, ementas, etc (que também estava englobado nos serviços do catering).

Escolhi uma ementa que gostaria de usufruir nos casamentos a que vou, procurando pratos mais elaborados mas consensuais. E claro não abdiquei das respectivas mesas de queijos, marisco, carnes frias, doces e fontes de chocolate.

Correu muito bem, obtive um feedback excelente, e a verdade é que no fim da festa a frase mais ouvida foi mesmo "A comida era deliciosa".
Mas tenho consciência que isto só aconteceu porque a empresa era muito organizada, com um chefe de sala impecável, e que sabia exactamente o que nós queriamos.

Assim ficamos ainda mais felizes ao fim da noite.

Beiju

Apple and John disse...

É bem verdade, a maioria dos convidados só liga à comida!!

L de Leão disse...

O que eu acho mesmo importante (e o meu lado profissional influencia) é o catering ter a preocupação com as combinações de alimentos/pratos. Ou seja, tentar ver o que vai ser menos "pesado" para o nosso estômago, ainda que se coma muito e que se tenha os pratos habituais.

Por exemplo, é muito diferente ter um panado do tamanho do bife ou panadinhos. Dá para provar mais coisas até.

Não concordo que nesse dia se façam restrições/"dietas", mas acho importantíssimo estarmos confortáveis sem termos que tomar "facilitadores da digestão"!!

Vee disse...

Eu vejo a comida como uma parte da festa, se for agradável está tudo bem mas não é o que retenho. Na realidade não me consigo lembrar que pratos comi nos casamentos a que fui mas apenas se gostei mais ou menos.
Para mim o que faz a festa, e o que me fica mais facilmente na memória é a animação. Lembro-me se o casamento foi uma seca, se dancei, se cantei, como correu.
Mas sei que a minha opinião não é partilhada por todos e tentei que o meu casamento tivesse de tudo.

hoje vou casar assim disse...

Purple, fico contente por ter corrido tudo a 100% :)
Queres partilhar o nome da empresa de catering?

Apple, não sei se acontece por todo o país, mas pelo menos no norte acho que é muito comum. E muitas vezes tem que ter uns pratos específicos, senão nem é casamento :p
Confesso que apanhei um choque quando fui a um casamento em Inglaterra e vi que é completamente o oposto em termos de comida!!

L, obrigada por essa dica, que eu pessoalmente acho muito útil.

Vee, eu também acho que a animação é essencial para o sucesso de um casamento. Sinceramente, era algo que me "apavorava", porque tinha medo que não corresse bem e as pessoas não se divertissem. E felizmente tive uma grande surpresa, porque as pessoas dançaram muito e divertiram-se imenso :)

Rita disse...

Eu pessoalmente, como não vou ter muito dinheiro disponível, vou optar por fazer a festa em minha casa (visto que moro no campo e tenho bastante espaço disponível).
Assim concretizo o sonho de criança de fazer o copo d'água onde cresci e ainda consigo poupar uns trocos (sei que não é muito bonito estar a dizer isto, mas a verdade é que o dinheiro não é mesmo muito lol).
Quanto à comida, terei de começar a ver com o meu noivo serviços de catering... e não sei mesmo por onde hei de começar!
Quanto à animação, será um pouco mais fácil, porque estamos os dois no mundo da música, podemos sempre contar com o apoio de colegas e amigos...
Espero que corra tudo bem!!

hoje vou casar assim disse...

Olá Rita
Essa parece-me uma excelente ideia, e cheia de significado :)
Eu adoraria ter feito a minha festa num local assim tão especial, mas não tive a sorte que tu tens de ter espaço suficiente para isso.
Quanto aos serviços de catering, se calhar é uma boa ideia pedires referências a pessoas em quem confies e que tenham casado ou estejam habituadas a ir a casamentos (ou outras festas) nessa zona. Pessoas que tenham trabalhos relacionados com casamentos (fotógrafos, DJs,..., e até músicos) também costumam ser boas fontes de informação.
De qualquer forma, aconselho-te mesmo a delegares as responsabilidades a outras pessoas, pelo menos no dia do casamento! ;)
Quando 'estamos em casa', acho que temos a tendência para querer controlar tudo, e isso impede-nos de descontrair.

beijinhos e obrigada pela visita :)

Rita disse...

Sim, é mesmo cheia de significado =) Acho que dificilmente arranjaria um sítio melhor para a minha festa, e tenho que aproveitar essa sorte!
Quanto às dicas, obrigada. É realmente melhor começar por falar com pessoas mais "experientes" por assim dizer =)
Quanto ao delegar responsabilidades... Esse sim, vai ser o desafio!! ;)

Anónimo disse...

O local do meu casamento já está escolhido bem como o serviço de catering que na minha opinião e fenomenal, no entanto é surpresa :)

Honestamente não procurei assim muito, optei por me informar junto de outos casais, dos quais, participei no casamento e tenho optimas referências, lol as minhas!

Em relação ao catering, vou partilhar, é uma empresa muito conceituada no meio que se chama "Duplos Gémeos", que prima pela sofisticação, qualidade, e bom gosto, isto na minha opinião é claro. São super profissionais e muito práticos o que é perfeito para mim ;)

Espero que corra tudo ás mil maravilhas e que todos os presentes se deliciem!

Beijinhos,

JM

hoje vou casar assim disse...

Se é surpresa eu não pergunto ;p

Quanto ao catering, fizeste uma excelente escolha! É uma empresa que eu também recomendo.

beijinhos

juliana disse...

Eu casei com o Catering Duplos Gemeos e so posso dizer maravilhas sao mesmo super profissionais vao ao promenor todos os funcionarios super simpaticos e prestaveis,tudo apresentado com o maximo requinte!!
ficou na memoria dos nossos convidados e na nossa como muito especial e inesquecivel!!tive dois chefes de sala que tornou tudo ainda melhor!!

hoje vou casar assim disse...

Que bom, Juliana!
É sempre bom conhecer testemunhos positivos :)

beijinhos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...